Vendas nas Redes Sociais – Como a inovação pode colaborar com os profissionais da área do esporte.

Smartphone

O grande impacto na evolução das Mídias Sociais sobre a indústria do esporte, que continua crescendo. Crescimento que veio principalmente de usuários e empresas, com objetivo de branding, atendimento ao cliente e ações de marketing, por essas características as funções de mídias sociais estão mudando drasticamente.

Durante anos, os códigos de busca do Google têm dominado o mercado online, tornando-se uma grande conexão entre compradores e vendedores. Desta forma, as empresas ficavam na mão da classificação de busca do Google (e outros motores de busca) para as campanhas de Adwords, que era crucial para o crescimento do lucro da empresa, isso tudo diminuiu a efetividade da estratégia de SEO (Search Engine Optimization), que era essencial para sobrevivência de uma empresa ou produto. Que empresa hoje não quer investir em Adwords? Alguém com coragem? Não diria que esse é o melhor caminho, neste momento, a união das estratégias é o ideal.

neymar

Mas como os anos tem passado e socialização digital tem evoluído rapidamente, as ações e estratégias vinculadas as redes sociais vem ganhando uma atenção especial das empresas, que vem se perguntando, se a relação é o mais importante e proximidade com meu target é o que faz a diferença, por que faço investimento em publicidade online ou em buscadores?

O buscador não é a única forma de conectar os clientes as empresas ou produtos aos clientes. Enquanto o Search Engine Optimization (SEO) e Search Engine Marketing (SEM) ainda são ferramentas essenciais para o marketing digital, eles não são mais considerados como única estratégia para obter um aumento na base de tráfego de um site e melhorar a classificação de Posições (SERPs). Isso tudo tem obrigado ao Google investir na evolução desses mecânismos.

Como depender do Google Plus, para servir como ferramenta que pode aproximar o cliente a empresa, para isso o Google tem oferecido o que tem de melhor, o posicionamento privilegiado nas buscas que tem atraído empresas a desenvolverem uma página na rede. Mas será que isso é o suficiente?

Empresas do ramo esportivo tem aumentado seu investimento em marketing digital, estão inovando com ações nas redes sociais como Facebook e Instagram, muitas vezes com “tiros de ganhão” para impactar seu target, mas será que isso é o suficiente. Se as redes sociais estão cada vez mais se tornando espaços customizados de um grupo, por que não criar um “Ponto de Encontro” exclusivo?

Se eu quero falar somente de esporte, patrocínio, carreira, campeonatos, projectos para recolher fundos, compartilhar conquistas e encontrar pessoas com os mesmos objectivos, por que não juntar tudo isso em uma coisa só?

Esse é o objetivo do Sportt, clique aqui e saiba como iremos colaborar com a primeira rede social focada no esporte.


Comentar via Facebook

Comentário(s)

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *